II Mostra de Educação Financeira ocorre nas escolas de Rio Negrinho

A Prefeitura de Rio Negrinho realizou a II Mostra de Educação Financeira, aplicada pelas EMEBI (Escolas Municipais de Educação Básica Integral) do município. O evento aconteceu na escola Elias Graboski, das 8h30 às 11h, com a apresentação da própria escola junto com outras escolas: Irene T. Ribeiro, Lucinda Maros Pscheidt, Arnaldo A. de Oliveira, Padre Tomas Gasser e Claudio Longen.

O professor da escola Elias Graboski Lúcilio Duffeck acredita que a importância da Educação Financeira, além da criança conhecer o sistema monetário brasileiro, ter o contato com o dinheiro e ter contato com as questões financeiras, é aquela questão, principalmente, do leilão. “Eu só posso dar o lance dentro das minhas condições financeiras. Eu não posso gastar mais do que eu ganho, mais do que eu tenho, porque eu não posso ficar devendo. E, são coisas que a gente deve aprender como crianças e levar para a vida adulta também”, esclarece.

A professora Solange Dutra Xavier trabalhou com o professor Lúcilio no projeto com o tema Leilão. “Nós trabalhamos a importância, o que se leiloa. Então a gente resolveu o que iria fazer. O professor fez as obras de arte e eu fiz o colar de macarrão. Foi bem bacana, as crianças gostaram muito de fazer”, destaca a professora.

A professora da escola Padre Doutor Tomas Gasser Isabel Borges de Lima trabalhou a porcentagem e acha esse assunto muito importante. “Quando eles vão em uma loja, veem aquelas vitrines com 50% ou 70% e não sabem o que é. Então, eu ensinei a eles como se faz aquelas porcentagens, o valor da porcentagem, tanto o acréscimo como o desconto”, explica Isabel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *